Pin-up

Posted by GWC Seu Portal Eco Cultural Informativo on 07:45 with No comments
Estilos
 Pin-up's

Katy Perry
Ela é linda, jovem, está fazendo um sucesso maravilhoso é amiga de Madona e Miley Cyrus, suas amigas se encantaram com a forma de expressão musical de Katy e sua performance no palco, sem contar sua vestimenta e assessórios Vintage.
RAIO Y de KATY PERRY
Katy Perry é nascida Katheryn Elizabeth Hudson, Santa Bárbara, 25 de outubro de 1984, cantora e compositora norte-americana. Filha de um casal de pastores evangélicos, quando era criança cantava em igrejas, chegando a lançar um álbum de música gospel em 2001, intitulado Katy Hudson, gravado pela Red Hill Records, mas posteriormente fixou-se na música pop e pop rock, estilos que vêm sido trabalhado por Perry desde 2004.
Após assinar com a Island Def Jam Records em 2004, a cantora conheceu Glen Ballard, e junto a ele compôs e produziu um novo álbum de estúdio, Katy Perry, mas que foram cancelados também. Em 2005, assinou um contrato com a Columbia Records e gravou um álbum de estúdio intitulado The Matrix junto ao grupo The Matrix, que já haviam trabalhado com Britney Spears, Avril Lavigne e Korn. Apesar de chegar a lançar o videoclipe da canção "Broken", o álbum não foi lançado. Em 2006, ela fez uma pequena participação como back-vocal do single da banda gospel de new metal P.O.D, "Goodbye for Now, que também resultou no clip, mas não prosseguiu no meio gospel.
O sucesso de sua carreira musical começou em 2007, com o lançamento do seu primeiro extended play, "Ur So Gay", onde a cantora faz piada ao estilo emo de seu ex-namorado. Com o lançamento de seu álbum de estúdio One of the Boys, a cantora tornou-se uma ícone da música pop, com canções como "I Kissed a Girl" e "Hot N Cold", que ficaram no topo das paradas musicais de todo o mundo. Em novembro de 2009, Katy Perry lançou um MTV Unplugged com as canções de One of the Boys; no final de 2009, trabalhou na canção-remix "Starstrukk" e com Timbaland em "If We Ever Meet Again". Katy Perry ficou conhecida mundialmente pelo sucesso de seus singles, "I Kissed a Girl", "Hot N Cold", "Waking Up in Vegas", "California Gurls", "Teenage Dream e atualmente "Firework".
Com seu estilo Vintage e ousado, Katy Perry conquistou a atenção de Madonna e Miley Cyrus por criar contrastes que transmitem a imagem de inocente e demonstra ter uma personalidade humorística e extrovertida, que fizeram a cantora ser a única artista a apresentar duas vezes consecutivas o MTV Europe Music Awards (de 2008 e 2009). 
Katty Perry utiliza o estilo pin-up em pleno século XXI
Embora elas sejam realmente muito sensuais, temos a mistura do clássico romantismo. Uma das marcas de uma Pin Up é a Cereja, batom bem forte, delineador entre outros. O Boticário, lançou outra linha com edição limitada de produtos divertidos. O nome desta é Fun Tropical e é inspirada em drinks e frutas tropicais. A divulgação dos produtos trás todo um ar pin-up, com 'receitas' trazendo o modo de usar e garota propaganda Pin-Up...
------------x------------
LARA COM Z
Pin-up
Com toda essa personalidade a escolha do teaser de abertura não poderia ser outro a não ser a inspiração nas poderosas e sedutoras pin ups! Veja abertura:
A atriz aparece em vários clicks retrô, encarando uma verdadeira diva no melhor estilo pin up dos anos 50. As lindas imagens são completadas com a música Perigosa, das Frenéticas, em nova versão pela voz irreverente de Elza Soares. Antenada com a frequente moda das pin-up,como por exemplo, Ketty Pery e Dita Von Tesse, entre outras, claro que a Rede Globo, iria utilizar este recurso e em LARA com Z, apostou na abertura e com certeza acertou em cheio,  LARA com Z é gostoso, divertido e claro, com ela, nossa Diva: Suzana Vieira. Em breve um posts especial LARA com Z, vamos falar sobre essa história encantadora do mundo das pin-up's. 
Pin-up
JANE RUSSELL
É uma modelo cujas imagens sensuais produzidas em grande escala exercem um forte atrativo na cultura pop. Destinadas à exibição informal, as pin-ups constituem-se num tipo leve de sensualidade. 
Estrela dos anos 40 e 50, Jane Russel contracenou
com Marilyn Monroe no filme "Os homens preferem as loiras".
As mulheres consideradas pin-ups são geralmente modelos e atrizes, mas também se pode encontrar outros tipos de Pin Up's que são as mais "comportadas", porém utilizam um pouco da sensualidade da Pin Up.
Katty Perry utiliza o estilo pin-up em pleno século XXI
Embora elas sejam realmente muito sensuais, temos a mistura do clássico romantismo.

Uma das marcas de uma Pin Up é a Cereja, batom bem forte, delineador entre outros.
A última pin-up de Hollywood JANE RUSSELL 
Pin-up também pode se referir a desenhos, pinturas e outras ilustrações feitas por imitação a estas fotos. 
Betty Boop um caso a parte na vida das pin-up, nasceu em 1930, como uma personagem de desenhos animados da série “Talkartoon”, da produtora americana Paramount.
Na verdade, Betty seria apenas uma personagem secundária, ao lado do protagonista, o cachorro Bimbo. Por sua sensualidade e seu fascínio imanente, ela transcendeu a fama do cãozinho e se transformou na heroína da história, acompanhada muitas vezes deste bichinho, que se tornou seu amigo.
Dita Von Teese é a responsável pela reinvenção da estética pin-up dos anos 40 e 50. O termo pin-up, foi documentado pela primeira vez em inglês em 1941; contudo, seu uso pode ser rastreado pelo menos até a década de 1890. As imagens “pin up” podiam ser recortadas de revistas, jornais, cartões postais, cromo-litografias e assim por diante. 
Tais fotos apareciam frequentemente em calendários, os quais eram produzidos para serem pendurados (em inglês, pin up) de alguma forma. Posteriormente, posters de “pin-up girls” começaram a ser produzidos em massa.
Muitas “pin ups” eram fotografias de celebridades consideradas sex symbols. Betty Grable foi uma das mais populares dentre as primeiras “pin-ups”. Um de seus posters tornou-se onipresente nos armários dos soldados norte-americanos durante a Segunda Guerra Mundial. 
Outras pin-ups eram trabalhos artísticos, frequentemente representando versões idealizadas do que alguns imaginavam ser a representação de uma mulher particularmente atraente. Um exemplo antigo do último tipo foi a Gibson Girl (Garota de Gibson), desenhada por Charles Dana Gibson. O gênero também deu origem a vários artistas especializados, tais como Gil Elvgren, Alberto Vargas, George Petty e Art Frahm. A expressão “cheesecake” é sinônimo de “foto pin-up”.
Foto tipo “cheesecake”
O mais antigo uso documentado neste sentido é de 1934, antecipando-se a “pin-up”, embora anedotas afirmem que a expressão estava em uso na gíria pelo menos 20 anos antes, originalmente na frase (dita sobre uma bela mulher) better than cheesecake (algo como um verdadeiro pitéu).
As Pin Up fizeram um grande sucesso esbanjando muita sensualidade. Desde a Segunda Guerra mundial algumas atrizes muito famosas se vestiam de Pin Up para alegrar e divertir os soldados. Entre elas destacaram-se as três acima.
Hoje em dia, homens também podem ser considerados “pin ups” e existem equivalentes masculinos de modelos e atores atraentes como Brad Pitt. O termo equivalente, nesta acepção, é beefcake (algo como bofe escândalo, em gíria brasileira).
Em anos recentes, ilustradores (a saber, Rion Vernon), têm explorado pin-ups de modo mais radical. Vernon, criador do termo "pinup toons", fundiu a clássica garota pin-up com os elementos da HQ e cartoon.
"pinup toons"
Jessica Rabbit from Who Framed Roger Rabbit?
Em breve vamos falar do mundo dos quadrinhos
By Karina Andrade
Categories: